top of page

O Dia do Pai com as obras da S&A | Lisboa

Num aparente comum sábado de março, que podia passar despercebido, celebramos o Dia do Pai. A importante figura do nosso crescimento, o herói que “queremos ser quando formos grandes”.


Os presentes associados a esta data evoluem ao longo do tempo. As primeiras ofertas são feitas na escola, onde a ingenuidade das artes manuais mistura o que é feito pela criança e pela educadora. O nível de exigência, complexidade e a personalização vai aumentando de acordo com a progressão no ensino.

Quando a idade deixa para trás as lembranças em contexto escolar, estas começam a ser feita nos tempos livres, numa mistura de criatividade e dos recursos dos jovens. Há medida que os filhos entram na vida adulta as escolhas incidem sobre pequenos objetos de uso quotidiano, como relógios ou perfumes.


Para qualquer Pai não importa o tamanho ou o valor do presente. É a intenção que marca o dia. Na S&A queremos ajudá-lo a assinalar a data de forma surpreendente. Ao invés de algo para ser usado diariamente, destacamos algo que vai inspirar todos os dias. Nada melhor as obras de Júlio Pomar e Vítor Pomar, pai e filho, respetivamente, para tornar este dia verdadeiramente especial. Para qualquer Pai não importa o tamanho ou o valor. É a intenção que marca o dia.


Júlio Pomar é um aclamado artista plástico da 3ª geração de pintores modernistas, conhecido no quotidiano pelos azulejos da Avenida Infante Santo e da estação de metropolitano do Alto dos Moinhos, ambos em Lisboa. É pai de Vítor Pomar, artista com obras muito próximas do expressionismo abstrato e com importante obra fotográfica.


Pode encontrar peças de ambos artistas na nossa seleção de serigrafias e oferecer um presente marcante neste Dia do Pai.

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
Posts Recentes